PMI
PMI
Em 5 de setembro de 2018 por Comunicação / Prefeitura Municipal de Itaboraí
Saúde lança programa contra obesidade infantil

43758482464_57b775aa29_zPara combater o sobrepeso e a obesidade infantil, a Prefeitura de Itaboraí lançou na manhã desta terça-feira, 04 de setembro, o Programa da Redução da Obesidade Infantil – PROin. A ação é o resultado de uma parceria entre as Secretarias Municipais de Saúde; Educação e a de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo.

A proposta foi apresentada na Escola Municipalizada Prefeito João de Magalhães, em Visconde e tem como objetivo incentivar uma alimentação saudável e a prática esportiva, que é oferecida gratuitamente dentro do bairro entre as crianças e seus responsáveis.

Presente ao evento, o Prefeito de Itaboraí, Dr. Sadinoel Souza, parabenizou as equipes pela iniciativa e prometeu incentivar ainda mais, criando um espaço no bairro para auxiliar nas práticas esportivas da comunidade. “Eu vou ver um espaço aqui bem pertinho de vocês, onde eu possa criar um ambiente para a prática esportiva e atividades físicas. Estamos passando por um momento financeiro muito difícil, mas com parcerias estou conseguindo, pouco a pouco, arrumar a nossa casa”, disse o chefe do Executivo.

44476740851_06795cb6bf_zDe acordo com a coordenadora e educadora física, especialista no tratamento da obesidade e emagrecimento, Lorena Albertini, tudo começou no mês de julho, quando foi realizada na escola, uma avaliação do Índice de Massa Corporal (IMC), juntamente com agentes de Saúde, onde todos os 146 alunos foram pesados e o resultado mostrou preocupação na equipe. Ao todo, 29% dos alunos mostraram-se abaixo do peso, 34% estão dentro do peso ideal e 37% em situação de sobrepeso ou obesidade. A partir destes números foi verificada a importância da implantação do PROin para combater estes dados.

Para a lançamento do PROin, todos os alunos da unidade escolar e seus responsáveis participaram de uma palestra com especialistas no tema obesidade.

29538881317_0f6cfbece1_z (1)“Os hábitos alimentares se modificam muito ao longo dos anos, causando assim a obesidade. Queremos incentivar uma alimentação mais saudável e a prática de atividades físicas desde cedo, para que no futuro possam se tornar adultos mais conscientes e com mais saúde”, comentou Lorena Albertini, em sua palestra com o tema “A importância da prática esportiva na saúde de nossas crianças”.

A nutricionista, Esthefani Lessa, também conversou com os alunos e explicou sobre a importância de se adquirir hábitos saudáveis. E explicou aos responsáveis que a criança precisa se desenvolver com saúde e para isso, é fundamental possuir uma rotina ativa, com muita brincadeira, sendo importante a mudança de hábitos que envolvam toda a família.

O secretário municipal de Saúde, Júlio César Ambrósio também esteve presente na escola e alertou sobre a importância de se adquirir hábitos saudáveis. “Já estamos registrando atendimentos a crianças que vem passando por problemas decorrentes ao excesso de sódio, decorrente de comidas industrializadas ingeridas de forma descontrolada. E não queremos que isso aconteça com nossas crianças. Queremos oferecer o melhor para cada uma delas, mas essa mudança de hábitos também precisa ser incentivada em casa, com toda família em conjunto”, disse Júlio César.

43758483004_ce4414407b_zEquipes de agentes comunitários e enfermeiros da Unidade de Saúde da Família de Visconde, onde também está localizado o Centro de Referência para Tratamento de Obesidade Infantil, estiveram no local avaliando e verificando o IMC para quem tivesse dúvida.

Também no encontro poderiam ser feitas matrículas para as práticas esportivas gratuitas que estão disponíveis no bairro, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, como: futebol de campo, futsal, ballet, taekwondo, capoeira, handebol, jiu-jitsu, basquetebol, parkour e tênis de mesa.

Por Marcely Figueiredo / Fotos Sandro Giron

Portal Oficial da Prefeitura Municipal de Itaboraí
Praça Marechal Floriano Peixoto, 97 - Centro, Itaboraí - RJ, 24800-165
©2018 - Desenvolvido por Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Sustentável