PMI
PMI
Em 26 de dezembro de 2019 por Comunicação / Prefeitura Municipal de Itaboraí

Prefeitura de Itaboraí realiza ações de controle contra arboviroses

49256413602_9b946704a9_cPor meio da Secretaria Municipal de Saúde, o Programa Municipal de Controle da Dengue em trabalho conjunto com o Hospital Municipal Desembargador Leal Junior, realiza ações de controle contra as arboviroses em pontos estratégicos do município.

O processo tem início ainda no hospital. Após atendimento feito na emergência, se detectado os sintomas de arboviroses, o Núcleo de Vigilância Hospitalar (NVH) envia uma cópia da ficha do paciente para a epidemiologia, a mesma encaminha para o Programa Municipal de Controle da Dengue (PMCD), que reencaminha para as equipes.

Feito isso, a equipe de raio de ação e bloqueio se dirige ao endereço fornecido para constatar se há evidências de foco de dengue ou qualquer outra arbovirose, pois, as notificações precisam ser apuradas.

Sendo confirmado ou não, os profissionais realizam varreduras no local em busca de focos para análise. Constado o foco do mosquito Aedes Aegypti, o paciente recebe orientações para prevenir uma epidemia.

Atualmente o município conta com 13 profissionais. Seis atuam no turno da manhã, seis a tarde e um cuida das burocracias.

De acordo com o coordenador do Programa Municipal de Controle da Dengue (PMCD), Adriano de Paula Pereira, a maior dificuldade que as equipes enfrentam é referente aos endereços. “Saímos com as fichas, que muitas vezes é preenchida com dados incorretos. Então precisamos procurar e isso demanda tempo”, contou Adriano.

49256222936_83aae26413_cAcompanhamos uma dessas ações e pudemos ver de perto como esse trabalho é realizado. A primeira ficha continha o endereço incorreto, já no segundo endereço procurado, o paciente não atendeu. Então os profissionais bateram nas portas vizinhas, até que uma moradora nos recebeu.

A senhora Daysimar Freitas, 50 anos, abriu a porta de sua casa para que a equipe pudesse realizar o trabalho de controle contra a dengue e outras arboviroses. “Essas visitas são importantes. É muito válido a Prefeitura ter esse cuidado com a população”, disse a moradora de Rio Várzea.

O larvicida, que faz efeito por até oito semanas, é utilizado para o combate ao mosquito na fase de larva. O inseticida tem poucas horas de duração e é utilizado para combater o mosquito na fase adulta. Vale destacar que o fumacê somente é utilizado em casos extremos, para não causar um desequilíbrio ecológico.

As equipes realizam ações diariamente. Neste ano, aproximadamente 300 ações foram realizadas no município.

Por Jéssica Cruz

LEIA MAIS EM PMI




  • Portal Oficial da Prefeitura Municipal de Itaboraí
    Praça Marechal Floriano Peixoto, 97 - Centro, Itaboraí - RJ, 24800-165
    Fale Conosco: comunicacao@itaborai.rj.gov.br
    ©2020 - Desenvolvido por Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Sustentável