PMI
PMI
Em 18 de junho de 2020 por Comunicação / Prefeitura Municipal de Itaboraí

Prefeitura de Itaboraí entrega cestas básicas não retiradas no Mutirão Humanitário

50013159763_4d2b694c29_cA Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SEMDS) iniciou nesta semana a entrega de cestas básicas não retiradas no Mutirão Humanitário do Governo do Estado. A ação tem como objetivo garantir a oferta regular de serviços e programas socioassistenciais voltados à população mais vulnerável e em risco social, mesmo em meio à situação atual de pandemia provocada pelo novo coronavírus.

De acordo com resolução da SEMDS nº 10 de 02 de junho os critérios para concessão das cestas básicas remanescente do Mutirão Humanitário, devidamente aprovado pelo conselho municipal de assistência social são as seguintes:

Ser residente de Itaboraí; domiciliados no município; com renda de até um salário mínimo ou renda per capita inferior a ½ (meio) salário mínimo e com impossibilidade de arcar por conta própria com enfrentamento das contingências sociais agravadas pela atual pandemia do novo coronavírus.

Para o grupo prioritário serão considerados idosos acompanhados pelo Programa Saúde do Idoso do município. E as famílias que possuam pessoas idosas que são acompanhadas pelo Programa de Atendimento Integral à Família e Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos dos Cras.

50013685771_b14f61138f_cVale ressaltar que esta resolução busca garantir a continuidade da oferta de segurança alimentar às pessoas idosas, bem como promover a devida transparência das ações da gestão do Sistema Único de Assistência Social – SUAS no contexto de enfrentamento aos impactos da pandemia.

Na última terça-feira (16/06), no Centro de Referência de Assistência Social — Cras Reta em parceria com a associação de moradores, que tem se empenhado no apoio a comunidade, foi realizado a entrega de aproximadamente 250 cestas básicas e kits de higiene, prioritariamente para os idosos cadastrados no Programa Saúde do Idoso assegurando assim seus direitos fundamentais, considerando o Estatuto do Idoso, em seu capítulo III, art. 14. Em seguida os outros grupos que estão em vulnerabilidade social.

A coordenadora do Cras Reta, Helenice Azevedo relatou a importância desse acolhimento. “A entrega faz parte das diversas ações para minimizar os efeitos sociais provocados pela pandemia, sobre tudo para as pessoas que mais necessitam. Além de fortalecer o acesso e o direito da população idosa”, afirmou a coordenadora.

50013157253_fcbe0202c7_c“Essa é uma boa iniciativa entre a Prefeitura e associação de moradores. A cesta está sendo de grande ajuda, principalmente neste momento econômico que estamos vivendo. Minha mãe é idosa e hoje estou buscando está cesta para ajudá-la”, disse Alex Fonseca morador do bairro da Reta.

Para o presidente da associação de moradores da Reta, Fábio Sampaio, garantir o direito dos cidadãos é primordial. “A todo um trabalho de acolhimento e empatia com a população envolvida, com parceria da Prefeitura e de outros colaboradores, pudemos produzir mais cestas e ajudar cerca de 500 famílias e, além disso, trazer visibilidade para comunidade”, falou Fábio.

 

 

Assessoria de Comunicação 

LEIA MAIS EM PMI




  • Portal Oficial da Prefeitura Municipal de Itaboraí
    Praça Marechal Floriano Peixoto, 97 - Centro, Itaboraí - RJ, 24800-165
    Fale Conosco: comunicacao@itaborai.rj.gov.br
    ©2020 - Desenvolvido por Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Sustentável